sexta-feira, junho 06, 2008

Livros, morte, nascimento... dos anos 60

GLORIA STEINEM

Ícone feminista foi a única jornalista que entrou na festa da Playboy sem ter sua profissão reconhecida

A jornalista, Gloria Steinem foi importante no movimento feminista e anti-racista nos estados unidos.

Escreveu um artigo sobre a situação degradante das moças – também conhecidas como coelhinhas, que trabalhavam nos bares da Playboy. Outros títulos como "A verdadeira linda Lovelace" e "Se os homens mestruassem" são de sua autoria.

No Brasil, foi publicada uma coletânea de artigos no livro "Memórias da transgressão".

ELIOT, QUARTA-FEIRA DE CINZAS

Porque não mais espero retornar
Porque não espero
Porque não espero retornar
A este invejando-lhe o dom e àquele o seu projeto
Não mais me empenho no .empenho de tais coisas
(Por que abriria a velha águia suas asas?)
Por que lamentaria eu, afinal,
O esvaído poder do reino trivial?

No dia 4 de janeiro de 1965, morre Thomas Stearns Eliot, mais conhecido como T.S.Eliot.

O famoso poeta morou em Paris na França, onde sofreu a influencia do simbolista Charles Baudelaire. Estudou sânscrito e religiões orientais. Tentou preservar o inglês arcaico e alguns valores europeus.

Modernista, dramaturgo ganhou o Premio Nobel de literatura em 48.


LYA LUFT

"Sou fascinada pelo lado complicado. Tenho um olho alegre que vive: sou uma pessoa despachada, adoro família, adoro a natureza. Mas eu tenho um outro olho que observa o lado difícil, sombrio. A minha literatura nunca vai ser "aí casaram e foram felizes para sempre". Minha literatura sempre nasceu do conflito, da dificuldade, do isolamento."(Lya Luft)


Lya Luft nasceu no dia 15 de setembro de 1938, em Santa Cruz do Sul, Rio Grande do Sul.

Uma cidade de colonização alemã, as crianças falavam alemão, e os livros utilizados nas escolas vinham da Alemanha. Com onze anos, decorava poemas de Goethe e Schiller.Iniciou sua vida literária nos anos 60, como tradutora de literaturas em alemão e inglês.

Conheceu Celso Pedro Luft, seu primeiro marido, quando tinha 21 anos. Ele tinha quarenta. Foi numa prova de vestibular. Achou-se ridícula quando pensou: esse é o homem da minha vida! O irmão marista tirou a batina para casar com ela em 1963.

Nessa paixão, começou a escrever poesia. Os primeiros poemas foram reunidos no livro "Canções de Limiar" (1964).Tiveram três filhos: Suzana, em 1965; André, em 1966; e Eduardo, em 1969.


A melhores publicações

Os anos 60 tem publicações que merecem destaque. Veja a lista:

  • Clarice Lispector - A Paixão Segundo G.H.
  • Roald Dahl - Charlie and the Chocolate Factory
  • Ian Fleming
    • You Only Live Twice
    • Chitty-Chitty-Bang-Bang
  • José Cândido de Carvalho - O Coronel e o Lobisomem
  • Agatha Christie - A Caribbean Mystery
  • Jorge Amado - Os Pastores da Noite
  • Leon Uris – Armageddon
  • Clarice Lispector - A Legião Estrangeira
  • Leonard Cohen - Flowers for Hitler
  • Cecília Meireles - Ou Isto ou Aquilo
  • Carlos Drummond de Andrade - Lição de Coisas
  • Ernest Hemingway - A Moveable Feast (memórias)
  • Jean-Paul Sartre - As Palavras (autobiografia)
  • Martin Luther King - Why We Can't Wait
  • Claude Lévi-Strauss - O Cru e o Cozido, de Mythologiques
  • Pierre Bourdieu e Jean-Claude Passeron - Les Héritiers

Postar um comentário

Folha.com - Ilustrada - Principal