quinta-feira, outubro 02, 2008

Escolhas




Não quero ser só um joguete do destino,
Quero muito mais que isso.

Quero correr,
correr,
sem olhar para trás.
E quando ver, estarei perto das estrelas.
Mergulhada numa imensidão brilhante e confortante.
Lá quero sentar,
e simplesmente relaxar.
Quando resolver voltar, quero andar a passos curtos e lentos.
Ver a chuva cair sobre meus cabelos. E o vento me levar.
Levar para onde o destino, seja só as minhas escolhas.

>> Mudando de Assunto...

Viciada em cinema....


"- Acho que estou procurando uma explicação. - Bem, pelo que observo... Às vezes é melhor não saber. E outras vezes não há explicação. - Para tudo há uma explicação. - É como essas tortas e bolos. No fim da noite... O cheesecake e a torta de maçã já acabaram. A torta de pêssego e a mousse de chocolate estão no fim, mas a de blueberry permanece intacta. - Qual o problema da torta de blueberry? - Nenhum problema. As pessoas fazem escolhas. A culpa não é da torta de blueberry. Simplesmente, ninguém quer. - Eu vou querer uma fatia da torta de blueberry."

"Há alguns anos, tive um sonho. Começou no verão e terminou na primavera seguinte. No interim, houve muitas noites tristes... Como também muitos dias felizes. A maioria aconteceu nesse bar. Então, certa noite, uma porta bateu, e o sonho acabou." "Filme: My blueberry night"

>> Quando o tempo melhora? Quero passear com maridão e filhos!

>> Escolha 'minha': quero amar o Skyrks até o dia que ainda estiver em pé.
Quero mimar e viver pela minha filha.

Não vou fazer media com mais ninguém. E não quero ser a unica que entende todos, se não me entende. Então serei sempre uma reação.

>> A vida é engraçada, me apresentou a Miss.
E não é que ela parece minha irmã gêmea.
Mesmos gostos (nem tudo), mesmo quarteirão com queijo no Mc.
Mesmo Sebastião Bach!
Postar um comentário

Folha.com - Ilustrada - Principal