quarta-feira, março 11, 2009

Vida louca!

Depois de mil anos, ausente desse blog. Cá estou... para fazer uma reclamação... e pedir atenção para os detalhes do que vou dizer.

>> Carreguei minha filha, por 9 meses. Vomitei 4 meses. Emagreci 10 kilos e depois engordei os 10. Quando ela nasceu, achei que iria viver num mundo paradisiaco de um ambiente familiar.

Pois bem, recebi um balde de água fria. Primeiro vieram as preocupações e depois as neuroses.

Filha mulher não fica com Homem sozinha. Cuidado com tudo que fica na mesa, estante, fogão e etc. Agora vivo com um olho no gato e outro no peixe. Saiu de perto, lá vou atrás.

e por isso digo, ninguém cuida melhor do que a Mãe.

A vida moderna, não me deixa cuidar dela 24 horas por dia. Ela fica com a Vovó, materna. Porque todos netos ficam com a Vó materna. De acordo com a minha personalidade, e com ela que posso brigar, enfrentar, dizer o que e certo o que e errado. Se eu vejo algo que não me agrada, já lanço uma bronca em seguida de ameaça. (que feio né). Mas sou assim... e não poderia ser assim com a minha Sogra. E me controlar, nem sempre e meu forte.

Mesmo assim, estou sempre preocupada... e sei que vou culpar quem estava cuidado... Ora, é minha filha.

Gostaria de estar com ela 24 horas...Porque perto de mim, e como se ela estivesse em segurança. E reafirmo, mãe e mãe!

Por isso,voltei a escrever aqui... todos querem cuidar dela, todos se oferecem (porque não peço nada disso a alguém). Legal, eu sei que vocês gostam dela.

Mas eu só faço o que eu quero. E gosto de deixar minha filha, quetinha em casa. Na casa em que ela vive. Porque lá, coloquei limites á ela e a minha mãe. Sei que facas estão longe do alcance dela e se estiver, dou uma de louca e logo elas somem da li.

Por isso entedam meus limites... se não gostarem... fala na cara e não por trás e nem fiquem falando que estou privando de algo em relação a minha filha. Dúvido que vcs seriam diferentes com os filhos de vocês. E se forem, cada um com seus problemas.

O meu e esse... eu fiz ela, carreguei 9 meses e quem educa e decide por ela até os 18 anos... SOU EU!

Finish!
Postar um comentário

Folha.com - Ilustrada - Principal